QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Se você perceber, notará que a felicidade está chamando o seu coração para vida nova.” André Luiz

Artigos

Coisas importantes para se saber

Enviado em 15 de agosto de 2016 | No programa: Os Mensageiros no Ar | Escrito por Luis Armando | Publicado por Vanessa Cavalcanti

Quando chega à Dimensão Espiritual em que nos encontramos mais comumente chamado Mundo Material, o Espírito que Sombra de homem olhando para o céureencarna mergulha numa espécie de hipnose que anestesia as lembranças amargas do passado oferecendo campo propício para a formação de nova personalidade, aquela que o identificará na existência que começa a cursar.

As influências de uma sociedade excessivamente materialista afasta o Ser de dados que não deveriam ser desconsiderados. Na sequência, com o auxílio das informações disponibilizadas pela Espiritualidade através de diferentes obras, alinhamos 13 desses pontos:

1 – As Dimensões vibratórias do Universo são infinitas, como infinitos são os mundos que o povoam.

2 – Esferas múltiplas de atividade espiritual interpenetram-se nos diversos setores da existência.

3 – Não existem vazios no Universo. Todas as zonas interplanetárias estão repletas de vida em suas manifestações multiformes.

4 – As esferas vibratórias se interpenetram e expandem até os limites dos Planetas vizinhos.

5 – Se fosse possível cortar a Terra pelo meio, em seu todo, quer dizer, até onde alcançam seus limites verdadeiros, ver-se-iam círculos iguais, uns dentro dos outros, representando estágios da Vida Espiritual, ou Esferas Vibratórias onde vivem os Espíritos, de acordo com a sua elevação.

6 – Os dois Planos, o visível e o invisível, se interpenetram no mundo, não sendo o imaterial percebido, pelo fato do sensório do encarnado, de modo geral, estar habilitado somente a certas percepções, restritas aos cinco sentidos.

7 – Na quarta esfera, mais apegada à Terra e às suas ilusões, existem muitas organizações à maneira da dimensão mais física.

8 – As áreas do espaço (espiritual), às vezes enormes, ocupadas por legiões de criaturas padecentes ou desequilibradas, estão circunscritas e policiadas por maiores que sejam, funcionando à maneira de sítios terrestres, utilizados por grandes instituições para a recuperação dos enfermos da mente.

9 – A matéria mental, energia cuja existência mal começamos a perceber, obedece a impulsos da consciência mais do que possamos calcular.

10 – Cada mente vive na dimensão com que se harmonize. Milhares (…) se mantem dentro de linhas mentais infra-humanas, rebeldes a qualquer processo de renovação. Muitos permanecem em profundo desânimo nos recintos domésticos em que transitaram por alguns anos consecutivos, detendo-se nos hábitos arraigados da casa e inalando substâncias vivas do ambiente que lhes é familiar, sem coragem de ir adiante.

11 – As inteligências se agrupam segundo os impositivos da afinidade, vale dizer, consoante a onda mental ou frequência vibratória, em que se encontram.

12 – Há infernos purgatoriais de muitas categorias. Correspondem à forma de pesadelo ou remorso que a alma criou para si mesma. Tais organizações (…) obedecem à densidade mental dos seres que as compõem, onde há milhares de criaturas humanas, clamando contra si mesmas, chocadas pelas imagens e gritos da consciência, criando quadros aflitivo e dolorosos, onde o pavor e o sofrimento fazem domicílio.

13 – Surpreendemos entidades fortemente ligadas umas às outras, através de fios magnéticos, nos mais escuros vales de padecimento regenerativo, expiando o ódio que as acumpliciaram no vício ou no crime. Outras, que perseveraram no remorso pelos delitos praticados, improvisam, elas mesmas, com as faculdades criadoras da imaginação, os instrumentos de castigo dos quais se sentem merecedores.

 

Foto ilustrativa: pexels.com

Deixe seu comentário: