QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Antes de tudo precisamos entender que nada sabemos. Então, estaremos conscientes de nossa ignorância e capazes de aprender.” Centenário de J. Herculano Pires

Atualidades

Como lidar com a dor?

Enviado em 12 de setembro de 2017 | Publicado por Rádio Boa Nova

A doutrina espírita nos ensina que tanto a dor como o sofrimento são temporários e que estes sentimentos podem ser melhorados através das mudanças de hábitos, ações e atitudes. Ela nos ensina também que em nosso atual estágio evolutivo, temos a necessidade da dor e do sofrimento para que possamos progredir espiritualmente.

Quais as diferenças do sofrimento e da dor?

O sofrimento é a dor física ou moral. De acordo com o espiritismo ele representa o modo pelo quais nos reequilibramos diante da harmonia divina, que é baseada na lei do amor, ou seja, toda vez que cometemos alguma uma infração relacionada a esta lei, precisamos nos equilibrar. E como ocorre isso? Através da dor.

Allan Kardec, no livro O Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo V, apresenta uma série de orientações a respeito do sofrimento e suas causas atuais e anteriores.

“Os sofrimentos devidos a causas anteriores à existência presente, como os que se originam de culpas atuais, são muitas vezes a conseqüência da falta cometida, isto é, o homem, pela ação de uma rigorosa justiça distributiva, sofre o que fez sofrer aos outros.” (O Evangelho Segundo o Espiritismo)

Já em relação a dor, ela é definida em dois tipos:

  • Dor física: é uma manifestação do corpo físico;
  • Dor moral: tem como objetivo a evolução do homem, além de purificar sua alma. Enquanto o homem não aprender a lição, a dor moral permanecerá.

O espiritismo diz que precisamos ser pacientes e resignados, além de ter fé e consciência de que tudo é passageiro.

E ainda, Ermance Defaux, no livro Reforma Íntima sem Martírios, diz que ao observamos os nossos pontos positivos e negativos podemos identificar o que pode ser melhorado, para assim evoluirmos.

Já Santo Agostinho, na obra O Evangelho Segundo o Espiritismo, apresenta como sugestão uma autoanálise do nosso dia, ou seja, antes de dormir é preciso apontar tudo o que realizamos naquele dia. A partir disso, é necessário repetir as coisas boas e corrigir as más o quanto antes.

Lembre-se que a dor só é necessária quando o homem não este de acordo com as leis morais. Tudo aquilo que você planta, você colhe, por isso, deixe de lado o orgulho, a inveja, o egoísmo e pratique cada dia mais o amor.

Fontes: Grupo Espírita Allan Kardec | Verdade e Luz

Deixe seu comentário: