QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“O operário há de amar enternecidamente a máquina que o ajuda a viver, lubrificando-lhe as peças e harmonizando-lhe os implementos, se não deseja relegá-la à inutilidade e à secura.” Emmanuel

Editorial

Asteroide pode destruir a Terra

Enviado em 27 de dezembro de 2016 | Publicado por Mariana Fridman

Universo com dois planetas marronsO Planeta Terra sempre passa por preocupações em relação a acontecimentos inusitados, vindos do universo, que muitas vezes não podem ser previstos ou mesmo quando há o alerta, não há nada que se possa fazer, é o que afirma o cientista Joseph Nuth, pesquisador do Goddard Space Flight Center da NASA.

Segundo Nuth, grands asteroides e cometas que possam extinguir a humanidade são extremamente raros, mas eles tendem a nos ameaçar a cada 50 ou 60 milhões de anos. Se os dados estiverem corretos, é melhor começarmos a olhar para o céu já que o último corpo do tipo passou por aqui há 65 milhões de anos — e exterminou todos os dinossauros do planeta.

Nuth citou um exemplo crítico de 2014, quando um cometa passou raspando por Marte. Os cientistas só tomaram conhecimento dele 22 meses antes do perigoso encontro — um tempo curtíssimo para preparar qualquer tipo de ofensiva na Terra.

A solução, segundo o pesquisador, pode ser a construção de um foguete que ficará de prontidão para interceptar objetos perigosos. Isso poderia nos proteger de asteroides vindos de lugares difíceis de observar, como o Sol.

 

Deixe seu comentário: