QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Em matéria de felicidade só se possui aquela que se dá.” Emmanuel

Estudo_espirita

Codificação Espírita: Comunicação de Santo Agostinho e São Luís

Enviado em 7 de maio de 2018 | Publicado por Rádio Boa Nova

A Codificação Espírita foi realizada por Allan Kardec através das comunicações mediúnicas. Os Espíritos são responsáveis por respostas breves e objetivas, até aos mais diversos textos filosóficos que compõem as obras da Codificação Espírita.

Os textos dos Espíritos superiores são assinados com nomes ficcionais como “Um Espírito Amigo” ou com os nomes que marcaram suas vidas terrenas. Santo Agostinho e São Luís são dois destes espíritos que contribuíram nas obras da Codificação Espírita.

Santo Agostinho

Aurelius Augustinus Hipponensis (354d.c.- 430d.c.), conhecido como Santo Agostinho nasceu em Tagaste, norte da África. Filósofo e cristão convertido foi professor em Roma. Suas principais obras são Confissões e Cidade de Deus.

Foi Bispo de Hipona, hoje Argélia, durante 34 anos. Santo Agostinho retornou à Pátria Espiritual no ano de 430 d.c., supostamente no dia 28 de agosto, assassinado por vândalos que invadiram sua cidade.  

São Luís

Luís IX nasceu no dia 25 de abril de 1214, Poissy, França. Foi coroado Rei da França aos doze anos, após a morte de seu pai, Luís VIII. Com o apoio e a regência de sua mãe Branca de Castela tornou-se um rei justo e bondoso.

Esta visão dava-se pelo fato de se preocupar com a aplicação justa da lei sempre ouvindo o seu povo. Luís, porém, decidiu realizar Cruzadas onde se envolveu em várias batalhas contra os muçulmanos. São Luís morreu no dia 25 de Agosto de 1270, na Tunísia, norte da África, vítima da peste.

Codificação Espírita

As comunicações mediúnicas com os Espíritos Santo Agostinho e São Luís estão presentes nas obras Codificação Espírita como O Livro dos Médiuns, O Livro dos Espíritos e O Evangelho Segundo o Espiritismo.

No Evangelho seus textos se fazem presentes nos capítulos III, IV, V, X, XII, XIII, XIV, XVI e XXVII com temos como Mundo de Provas e Expiações, Encarnação, Laços de Família e a Felicidade da Prece.

 

Para saber mais sobre o assunto, assista:

O que são santos? Como devemos interpretá-los?

Fontes: O Evangelho Segundo o Espiritismo; O Livro dos Espíritos; O Livro dos Médiuns.

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Estagiário de Marketing na TV Mundo Maior.

 

 

Deixe seu comentário: