QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Quem se aceita como é, doando de si à vida o melhor que tem, caminha mais facilmente para ser feliz como espera ser.” André Luiz

Estudo_espirita

Disney lança filme com temática espiritualista

Enviado em 7 de fevereiro de 2018 | Publicado por Rádio Boa Nova

No início do ano, a Disney, empresa famosa por criar filmes com o conceito de animação direcionados para toda a família, lançou o filme “Viva – A vida é uma festa”, que traz como temática o espiritismo e os ensinamentos para as crianças.

O filme que se passa no México e adaptou uma tradição do país que é o Dia dos Mortos, semelhantes ao dia de Finados no Brasil, narra a história do garoto Miguel que junto com seu cão, Dante, embarcam em uma aventura pelos mundo dos mortos. O pequeno que tem o sonho de ser músico e descobrir o passado de sua família após eventos misteriosos, utiliza um violão mágico para embarcar nesta jornada.

No trailer que foi divulgado pela Pixar, mostra a possível comunicação dos encarnados com os desencarnados, conceito base da doutrina espírita. E ainda, o personagem recebe conselhos para uma vida melhor, outro conceito do espiritismo.

O que a doutrina espírita diz sobre o Dia de Finados?

Primeiramente é necessário lembrar que o espiritismo não proíbe qualquer ação, e não seria no Dia de Finados, que é dedicado para aqueles que partiram que isso iria acontecer.

A doutrina nos instrui a realizar preces com amor, com sinceridade, sendo assim, a mensagem tem a capacidade de qualquer pessoa que despertar saudade.

A prece é a melhor maneira de estar conectado com o ente querido, de enviar abraços fraternos e boas vibrações. A vida continua é a morte é somente uma partida.

É válido lembrar que o espiritismo não condena qualquer ação, e não seria no Dia de Finados que isso aconteceria.

Saiba mais sobre o assunto no texto: Finados: Um abraço fraterno do espiritismo, da TV Mundo Maior.

Confira o trailer do filme “Viva – A vida é uma festa”

 

Fontes: Correio Espírita | TV Mundo Maior | Letra Espírita

 

 

Por Juliana Chagas 

Jornalista e produtora da Rádio Boa Nova

Deixe seu comentário: