QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Em matéria de felicidade só se possui aquela que se dá.” Emmanuel

Estudo_espirita

Doutrina Espírita e Adoção de Crianças – Juventude Maior

Enviado em 13 de abril de 2018 | Publicado por Rádio Boa Nova

Doutrina Espírita e Adoção de Crianças - Juventude MaiorA Doutrina Espírita, em suas bases reencarnacionistas, nos esclarece acerca dos laços familiares e os parentesco espiritual.

Somos todos espíritos irmãos em jornada pelo progresso. Através das reencarnações é possível estreitar os laços de afinidades. Também utilizamos as nossas vidas para exercitar o amor com espíritos, cuja as relações são conflituosas.

A Adoção de Crianças simboliza uma família, com o chamado parentesco espiritual. Um ato de amor e caridade que pode fazer parte do planejamento reencarnatório, unindo espíritos afins em laços familiares espiritual.

A Doutrina Espírita traz, no capítulo XIV da obra, O Evangelho Segundo o Espiritismo, esclarecimentos sobre os laços familiares. Uma das passagens transcreve as seguintes palavras de Jesus:

“Quem é minha mãe e quem são os meus irmãos?”

Jesus fez esta pergunta a multidão que o chamara para falar com sua mãe e seus irmãos. Ele então direciona seu olhar a esta multidão e lhes fala:

“Eis aqui minha mãe e meus irmãos; pois, todo aquele que faz a vontade de Deus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe.”

A adoção de crianças é, a luz da Doutrina Espírita, uma expressão de amor e fraternidade. É também um ato de caridade, pois os tutores desta criança terão a missão de conduzir o início de sua encarnação com amor e responsabilidade.

A adoção desenvolve nestes espíritos uma relação que constrói, diariamente, os laços familiares e valores morais em ambos. Também contribui para o crescimento em conjunto em busca da evolução espiritual.

 

Estude a Doutrina Espírita com a Rádio Boa Nova e TV Mundo Maior.

Para saber mais sobre o assunto, assista:

A adoção é um ato de caridade? – Juventude Maior


Adoção – Visão Espírita

Fontes: O Evangelho Segundo o Espiritismo, cap. XIV. O Livro dos Espíritos, perguntas 203 à 206. Imagem ilustrativa retirada de ma10.

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Estagiário de Marketing na TV Mundo Maior.

 

 

Deixe seu comentário: