QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Em matéria de felicidade só se possui aquela que se dá.” Emmanuel

Estudo_espirita

O Livro dos Médiuns – A Natureza das Comunicações

Enviado em 17 de abril de 2018 | Publicado por Rádio Boa Nova

No capítulo X da obra, O Livro dos Médiuns, podemos esclarecer acerca das questões de manifestações inteligentes e comunicações. Também é possível entender a natureza das comunicações e suas categorias.

O item 133 do Livro dos Médiuns deixa claro a diferença entre comunicações e manifestações inteligentes. Esta última é expressa em um simples movimento que responde ao nosso pensamento, ou caráter intencional.

A causa inteligente é todo efeito que revela em sua causa um ato de livre vontade. As manifestações inteligentes, ainda que não sejam fenômenos puramente materiais, tem utilidade restrita.

As verdadeiras comunicações, segundo o Livro dos Médiuns, são as que se  desenvolvem a partir da inteligências e assim permitindo a troca regular e continuada de pensamentos.

É possível saber com isso a natureza do espírito que enviou a comunicação diferenciando o duplo aspecto da inteligência e moralidade. A elevação ou inferioridade ficarão claras distinguindo, através de suas palavras e ideias, seus vícios e suas virtudes.

Os meios de comunicação podem variar em pancadas, palavras e a escrita. Nelas os espíritos agem sobre nossos órgãos e nossos sentidos. Há as manifestações pela visão, impressões de toques tangíveis, audição e etc.

As diferenças nas comunicações podem ser diferenciadas através de quatro categorias principais. São elas: grosseiras; frívolas; sérias e instrutivas.

Categorias segundo o Livro dos Médiuns

Comunicações grosseiras

As comunicações grosseiras são, no geral, traduzidas por expressões que chocam a decência. Elas são realizadas por espíritos imperfeitos, nos quais estão encontros das impurezas materiais.

Comunicações Frívolas

Este tipo de comunicação é realizada por espíritos levianos e zombeteiros com finalidades fúteis, sem nenhuma importância. Eles brincam e mistificam as fraquezas das pessoas que acompanham a comunicação. Geralmente surgem ao nosso redor e sem propósito aproveitam para se divertirem.

Comunicações Sérias

Está comunicação exclui a frivolidade e a grosseria, porém não está isenta de erros. Os espíritos sérios que as realizam utilizam para fins privados defendendo suas ideias, portanto podem ser falsas, apesar do vocabulário correto e pseudo-sábio.

As comunicações instrutivas

Estas são realizadas por espíritos sérios com o propósito de transmitir ensinamentos sobre ciências, moral, filosofia e etc. Elas podem ser mais ou menos profundas, de acordo com a sua elevação e o grau de desprendimento com a matéria.  

Para saber mais sobre o assunto, assista:

Como é feito o contato com o mundo espiritual – Visão Espírita


Fontes: O Livro dos Médiuns. Imagem ilustrativa retirada de canoro.

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Estagiário de Marketing na TV Mundo Maior. 

Deixe seu comentário: