QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Em matéria de felicidade só se possui aquela que se dá.” Emmanuel

Evangelho e Reforma Íntima

Evangelho Segundo o Espiritismo: Honrar pai e mãe – Programa Nova Mente

Enviado em 11 de abril de 2018 | Publicado por Rádio Boa Nova

honrar pai e mãeHonrar pai e mãe. A doutrina espírita nos ensina que os espíritos afins possuem uma oportunidade de acelerar a sua evolução, isso acontece a partir do momento em que eles recebem a possibilidade de se reunirem em uma mesma encarnação formando assim uma família.

Com isso, o nascimento de uma criança é sinônimo de luz para as famílias. Deus colocou esse espírito na vida de duas pessoas para que juntos, eles possam tanto ensinar como aprender alcançando assim aos poucos a evolução.

O que significa Honrar pai e mãe?

Todos nós sabemos que temos uma obrigação com aqueles que receberam a missão de nos ensinar. Os pais nos estendem as mãos para que possamos dar nossos primeiros passos, eles nos acolhem em dias difíceis e se sacrificam para que tal atitude não se repita.

Eles nos deram a vida, portanto, honrar pai e mãe, significa ser piedoso, respeitoso, caridoso. Além de, mostrar compaixão tanto com os pais como as pessoas em geral.

O capítulo XIV, do livro Evangelho Segundo Espiritismo, nos apresenta uma ideia do que significa honrar pai e mãe. Confira:

“Honrai a vosso pai e a vossa mãe” é um corolário da lei geral de caridade e de amor ao próximo, visto que não pode amar o seu próximo aquele que não ama a seu pai e a sua mãe; mas, o termo honrai encerra um dever a mais para com eles: o da piedade filial. Quis Deus mostrar por essa forma que ao amor se devem juntar o respeito, as atenções, a submissão e a condescendência, o que envolve a obrigação de cumprir-se para com eles, de modo ainda mais rigoroso, tudo o que a caridade ordena relativamente ao próximo em geral.

Desafios

Muitos filhos abandonam os pais, por conta das adversidades da vida, abandonam seus pais, deixando-os sem apoio na velhice. Porém, além de respeito, precisamos ajudá-los em seus desafios.

Devemos nos lembrar que foram eles que cuidaram de nós na infância. Portanto, a gratidão a eles é fundamental e indispensável.

Mesmo nossos pais, devem e podem errar para aprenderem com seus erros. Não cabe a nós julgar, mas dialogar e falar do nosso ponto de vista que pode ajudar em seu reposicionamento. Devemos desenvolver habilidades para tratar dos nossos erros e desafetos.

Ainda, no capítulo XIV, do livro Evangelho Segundo Espiritismo, está descrita a seguinte reflexão:

Honrai o vosso pai e a vossa mãe, a fim de viverdes longo tempo na terra que o senhor vosso Deus vos dará”.

O que Deus quis dizer com esta pergunta?

Deus nos explicou a respeito do reino dos céus aos hebreus.

No entanto, hoje, com todos os esclarecimentos, sabemos que a vida após o desencarne é possível e então entendemos que Deus nos promete recompensas por nossas boas obras em outras vidas, traduzidas neste trecho: “Meu reino não é deste mundo; lá, e não na terra, é que recebereis a recompensa das vossas boas obras”.

Ouça o programa Nova Mente e saiba mais sobre o assunto “Honrar pai e mãe”

Parte I

Parte II

Parte III

Parte IV

 

Por Juliana Chagas 

Jornalista e produtora da Rádio Boa Nova

Deixe seu comentário: