QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Em matéria de felicidade só se possui aquela que se dá.” Emmanuel

Evangelho e Reforma Íntima

Falsos profetas: quem são? –  Estudo do Evangelho Segundo o Espiritismo – Programa Portal do Amanhã

Enviado em 12 de junho de 2018 | Publicado por Rádio Boa Nova

falsos profetasO que podemos entender por Falsos Profetas? Na obra O Evangelho Segundo o Espiritismo, de Allan Kardec, encontramos a seguinte passagem de Mateus:

“Guardai-vos dos falsos profetas que vêm ter convosco cobertos de peles de ovelha e que por dentro são lobos rapaces. Conhecê-los-eis pelos seus frutos. 

Podem colher-se uvas nos espinheiros ou figos nas sarças? Assim, toda árvore boa produz bons frutos e toda árvore má produz maus frutos. Uma árvore boa não pode produzir frutos maus e uma árvore má não pode produzir frutos bons. Toda árvore que não produz bons frutos será cortada e lançada ao fogo. Conhecê-la-eis, pois, pelos seus frutos”. (Mateus, 7:15 a 20)

E ainda:

…se alguém vos disser: “O Cristo está aqui, ou está ali”, não acrediteis absolutamente; porquanto falsos cristos e falsos profetas se levantarão e farão grandes prodígios e coisas de espantar, ao ponto de seduzirem, se fosse possível, os próprios escolhidos. (Mateus, 24:4, 5, 11 a 13, 23 e 24; Marcos, 13:5, 6, 21 e 22.)

Doutrina Espírita e os Falsos Profetas

O espiritismo nos ensina que os falsos profetas são aqueles que desejam uma autopromoção, ou então, são aqueles que desejam o seu bem, entretanto, por dentro querem o oposto. Por exemplo, quantas vezes não nos deparamos com as chamadas “Fakes News”. Essas pessoas que publicam notícias falsas querem plantar somente a discórdia.

Diante disso: em quem devemos acreditar?

A doutrina espírita tem como propósito o consolo, a razão, além de contribuir com o processo espiritual. Ou seja, os chamados verdadeiros profetas auxiliam o homem em sua evolução, colaboram com as melhorias da humanidade e também nas condições materiais e espirituais da Terra.

Ainda em O Evangelho Segundo o Espiritismo encontramos a passagem:

Os verdadeiros profetas, os que vêm auxiliar os homens a evoluir, colaborando na melhoria da humanidade e das condições materiais e espirituais da Terra, possuem as virtudes cristãs e as expressam no seu viver. (Erasto, 1862).

Verdadeiros profetas

São os enviados de Deus, que possuem dentro de si, as chamadas leis morais, além de serem, naturalmente mansos e humildes de coração.

Com isso, a verdade vai sendo revelada ao homem aos poucos, na medida de sua evolução de entendimento, da inteligência e da sua moralidade.

Para finalizar, o homem da Terra, por estar distante de sua perfeição, possui a possibilidade de descobrir partes da verdade, que são aqueles que lhe auxiliam em seu progresso espiritual.

Lembre-se sempre das palavras de Erasto, em O Evangelho Segundo o Espiritismo:

“Os falsos profetas não existem apenas entre os encarnados, mas também, e muito mais numerosos entre os Espíritos orgulhosos que, fingindo amor e caridade, semeiam a desunião”.

Saiba mais sobre o assunto no programa Portal do Amanhã:

 

Fonte: Centro Espírita Batuíra

 

 

 

 

Por Juliana Chagas 

Jornalista e produtora da Rádio Boa Nova

 

Deixe seu comentário: