QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Em matéria de felicidade só se possui aquela que se dá.” Emmanuel

Evangelho e Reforma Íntima

Prece aos Espíritos Protetores

Enviado em 5 de julho de 2018 | Publicado por Rádio Boa Nova

Prece aos Espíritos ProtetoresPodemos nos conectar com a Espiritualidade por meio de Prece aos Espíritos Protetores. Desde que nascemos recebemos de Deus a graça de um Anjo Guardião, ou seja um Espírito Superior que irá desempenhar o papel de mãe e pai em nossa encarnação.

Esse Anjo Guardião nos inspira aos caminhos de bem e fica feliz quando conseguimos aprender nesta vida. Ele também se entristece com nossas falhas, mas sempre estará disposto a nos ajudar.

Seu nome pouco importa, mas podemos nomeá-lo, pois em pensamento podemos invocá-lo e ele nos atenderá como uma mãe atende a seus filhos. A Prece aos Espíritos Protetores nos ajuda a criar um vínculo com a Espiritualidade Superior de modo a conectarmos por pensamentos.

Além do Anjo Guardião, que será sempre um Espírito Superior a nós, recebemos de Deus os Espíritos Protetores. Eles são bons Espíritos que ajudam a nos conduzir para a evolução moral e intelectual. Podem ser inclusive familiares ou amigos, Espíritos Afins que nos acompanharam em outras encarnações. 

Portanto, quando precisarmos, basta em pensamentos conversar com os bons Espíritos ou o Anjo Guardião que nos acompanha que eles podem nos inspirar ao melhor caminho.

Confira a seguir a Prece aos Espíritos Protetores retirada do Evangelho Segundo o Espiritismo, no capítulo Coletânea de Preces Espíritas.

 

Prece aos Espíritos Protetores

 

Espíritos esclarecidos e benevolentes, mensageiros de Deus, que tendes por missão assistir aos homens e conduzi-los pelo bom caminho, sustentai-me nas provas desta vida; dai-me a força de suportá-las sem queixumes; livrai-me dos maus pensamentos e fazei que eu não dê entrada a nenhum mau Espírito que queira induzir-me ao mal. Esclarecei a minha consciência com relação aos meus defeitos e tirai-me de sobre os olhos o véu do orgulho, capaz de impedir que eu os perceba e os confesse a mim mesmo.

A ti, sobretudo, meu anjo guardião, que mais particularmente velas por mim, e a todos vós, Espíritos protetores, que por mim vos interessais, peço fazerdes que me torne digno da vossa proteção. Conheceis as minhas necessidades; sejam elas atendidas, segundo a vontade de Deus.

 

Leia também:

Para saber mais sobre o assunto, assista:

 

Como atrair espíritos bons para nossas casas?


Fontes: O Evangelho Segundo o Espiritismo.

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Estagiário de Marketing na TV Mundo Maior.

Deixe seu comentário: