QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Antes de tudo precisamos entender que nada sabemos. Então, estaremos conscientes de nossa ignorância e capazes de aprender.” Centenário de J. Herculano Pires

Artigos

A Importância de Fazer tudo com Amor e valorizar o que o próximo faz

Enviado em 19 de setembro de 2017 | Escrito por Eliete Ribeiro | Publicado por Rádio Boa Nova

Quantas vezes você pensa que alguma tarefa a ser executada ou que realiza não tem importância? É interessante compreender que tudo que é feito é relevante e tem um propósito. Fazer tudo com carinho, por mais simples que pareça, lá na frente vai surtir um resultado positivo. É uma forma de evoluir, nada na vida é por acaso.

Nos centros espíritas nos deparamos com pessoas que pensam que só tem valor: o palestrante ou quem aplica o passe. Mas lembre-se de ter em mente que todos os membros têm o seu papel. Para que o centro funcione é preciso um colaborador para limpar, organizar a biblioteca, que ministre os cursos de doutrina, que faça a prece inicial, que acolha quem chega, que preste o atendimento a quem necessita, outro que auxilie nas finanças. Assim também é no ambiente de trabalho. Todos são peças fundamentais. Para que um trabalho flua e dê certo é preciso da contribuição de toda uma equipe. Como diz o ditado: “Uma andorinha só não faz verão”. Todos nós precisamos um do outro o tempo todo. Não podemos ser autossuficientes, achando que sozinhos podemos chegar a algum lugar. Pois quem pensa assim paralisa, não caminha, não progride.

Quem nunca pensou: eu não vou me submeter a este tipo de trabalho? Eu sou digno de fazer algo mais importante. Mas o que é importante para você?

Em o Evangelho Segundo o Espiritismo, Allan Kardec nos chama a atenção para o seguinte:

“É pela aplicação desse princípio que os Espíritos não vem poupar o homem do trabalho das pesquisas, trazendo-lhes descobertas e invenções feitas e prontas para produzir, de maneira a não ter que tomar senão o que se lhe colocasse na mão, sem ter o trabalho de se abaixar para recolher, nem mesmo o de pensar. Se assim fosse, o mais preguiçoso poderia se enriquecer, e o mais ignorante tornar-se sábio de graça, e um e outro se dar o mérito do que não teriam feito. Não, os Espíritos não vêm isentar o homem da lei do trabalho, mas mostrar-lhe o fim que deve atingir e o caminho que a ele conduz, dizendo-lhe: Caminha e chegarás. Encontrarás pedra sob teus passos: olha, e tira-as tu mesmo; nós te daremos a força necessária se a quiseres empregar. (O Livro dos Médiuns, cap. XXVI, n.os 291 e seguintes).

Muitas mulheres, por exemplo, são ativas no mercado de trabalho, ocupam lugares de destaque. Segundo os dados da OIT (Organização Internacional do Trabalho), a taxa de participação na força de trabalho global para as mulheres em 2017 é de pouco mais de 49%, 27 pontos percentuais menor do que a taxa para os homens (76%).

A OIT prevê que essas taxas permanecerão inalteradas em 2018. No Brasil, 56% das mulheres estão na força de trabalho, índice melhor que a média global, mas ainda assim 22,1 pontos percentuais menor que a masculina, estimada em 78,2%.

Mas de repente, quando optam por ser mãe, algumas mulheres saem de licença-maternidade e não retornam mais ao mercado de trabalho e se vêem na condição de ser “só mãe”. Mas será que é “só ser mãe”? Ser mãe é muito além. É uma das tarefas mais difíceis e complexas que existem. Há até um vídeo que foi publicado recentemente que mostra claramente esta árdua tarefa de ser mãe:

Muitas mulheres respondem ao serem questionadas, qual é a sua profissão? “Eu sou só dona de casa”. Alguém já parou para pensar? “Só dona de casa”. A dona de casa trabalha incansavelmente, não tem descanso, não tem salário, não é promovida, não tem o reconhecimento devido. Sendo que ela deve lavar, passar, varrer, enxugar, cuidar das crianças, cuidar dos cachorros, gatos, cuidar do marido, fazer comida, pensar num cardápio variado diariamente e fazer sempre as mesmas coisas todos os dias. Além de ser conselheira, psicóloga, médica, nutricionista, enfermeira. É uma das funções que engloba todas as profissões.

Passe a enxergar de maneira diferente as coisas e saiba que tudo tem a sua significância!

Deixe seu comentário: