QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“A caridade dos Céus é fonte que não se esgota.” Auta de Souza

Artigos

Jesus

Enviado em 29 de dezembro de 2015 | No programa: Pronto Atendimento | Escrito por Silvio Luiz Lemos | Publicado por Juliana Chagas

“Eu revelei a doutrina divina; e, como um segador, liguei em feixes o bem esparso pela humanidade, e disse: “Vinde a mim, todosJesus Cristo vós que sofreis!”. Mas os homens ingratos se desviaram da estrada larga e reta que conduz ao Reino de meu Pai, perdendo-se nas ásperas veredas da impiedade.” (ESE – Espírito da Verdade , 1860)”

 

“Foi nesse instante que, com o espírito como se estivesse sob o império de estranho e suave magnetismo, ouviu passos brandos de alguém que buscava aquele sítio. Diante de seus olhos ansiosos, estacara personalidade inconfundível e única. Tratava-se de um homem ainda moço, que deixava transparecer nos olhos, profundamente misericordiosos, uma beleza suave e indefinível. Longos e sedosos cabelos molduravam-lhe o semblante compassivo, como se fossem fios castanhos, levemente dourados por luz desconhecida. Sorriso divino, revelando ao mesmo tempo bondade imensa e singular energia, irradiava da sua melancólica e majestosa figura uma fascinação irresistível. Públio Lentulus não teve dificuldade em identificar aquela criatura impressionante, mas, no seu coração marulhavam ondas de sentimentos que, até então, lhe eram ignorados”. (Espírito de Emmanuel – Médium: Francisco C. Xavier – Obra: Há Dois Mil Anos.)

 

“E aqueles homens se maravilharam, dizendo: Que homem é este, que até os ventos e o mar lhe obedecem?” (Evangelho de Mateus 8:27)

Ao lermos essas anotações, podemos perceber a importância de Jesus para a humanidade e ao mesmo tempo, para cada um de nós. Sua vida marcou a nossa história, e hoje, 1/3 da população do planeta vincula-se a religiões que professam seus ensinamentos. Suas lições sobre o perdão, fé, compaixão, paciência, amor, dentre tantas outras, estão espalhados por todo o canto como sementes, que no futuro próximo irão sustentar a necessária transformação do planeta.

O Sermão da Montanha resume todo o conhecimento necessário para que possamos estabelecer um novo conjunto de crenças que irá permitir a criatura humana transitar por outras experiências evolutivas.

Jesus nunca foi tão necessário e suas lições tão atuais, mas é urgente percebermos que não podemos perder mais tempo na pratica do Cristianismo de superfície. Temos de vivenciar o Evangelho em nossas vidas, se de fato queremos nos libertar das ásperas veredas da impiedade, do sofrimento e da insegurança que ainda nos acompanham.

Como os Cristãos dos primeiros tempos, as portas da grande transformação e diante de enormes desafios, repetimos.

“Ave Cristo! Aqueles que anseiam a glória de viver e trabalhar em seu nome, vos saúdam e vos glorificam.”

Deixe seu comentário: