QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“O horizonte é sempre mais nobre e a estrada mais sublime, quando a oração permanece na alma em forma de confiança e de luz.” André Luiz

Jornal nova era

Semana Nacional do Trânsito

Enviado em 20 de setembro de 2016 | Publicado por Juliana Chagas

Trânsito na marginalA Semana Nacional de Trânsito que tem como objetivo conscientizar a população na redução da violência no trânsito além de falar sobre os cuidados básicos que todo o motorista e pedestre deve ter prossegue até o dia 25 de setembro.

O Dia Nacional do Trânsito, que é comemorado no dia 25 de setembro, foi instituído a partir da Criação do Código de Trânsito Brasileiro, em 1997. Todos os anos se cria um tema específico para ser debatido durante toda a semana, e em 2016, o tema será “Eu sou + 1 por um trânsito + seguro”.

O Brasil é um dos países com mais acidentes de trânsito, nos quais morrem por ano aproximadamente 40 mil pessoas. Em todo o Brasil, o alerta sobre a responsabilidade ao volante, uma vez que mais de 95% dos desastres são causados por imprudência dos motoristas.

E para alertar, peças com o slogan “Na estrada ou na cidade, seja você a mudança no trânsito” serão veiculadas para orientar e mobilizar a população sobre as regras de trânsito e a importância de uma boa conduta como fator essencial para a redução dos acidentes nas rodovias.

Programação

Na próxima quinta-feira (22) acontece o Dia Mundial Sem Carro, ação que tem uma iniciativa popular e vem se difundindo no mundo para diminuir a poluição e efetivar a mobilidade urbana, busca estimular uma reflexão sobre o uso excessivo do automóvel e as alternativas para a mobilidade urbana.

O primeiro país a comemorar essa data foi a França, no ano de 1997. A partir daí, gradativamente vários outros lugares passaram a celebrá-la, principalmente em razão da atuação de grupos ambientalistas e também de ativistas que lutam também por uma melhor mobilidade urbana.

No Brasil, desde 2001, colocam a prática do Dia Mundial sem Carro em atividade, não tão somente deixando o uso do automóvel, mas promovendo incentivos para que as pessoas utilizem meios alternativos de deslocamento nas cidades.

Fonte Imagens: freeimages.com

Deixe seu comentário: