QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“A caridade dos Céus é fonte que não se esgota.” Auta de Souza

Artigos

O Que Aprendemos com a Copa do Mundo?

Enviado em 27 de junho de 2014 | No programa: Juventude Maior | Escrito por | Publicado por Rádio Boa Nova

É…  Os acertos e erros e o que podemos tirar como bom proveito a partir desse evento.

Estádio com torcida do Brasil 

Já me dizia um bom amigo, que o futebol é metáfora da vida. E realmente, pensando nos eventos atuais começo a achar que pra muitas situações é a figura ideal.

Quando um jogo acaba, a primeira coisa que o técnico faz, antes mesmo de conversar com os jogadores, é assistir de novo a partida e calcular acertos e erros e pensar: Como eu vou inovar e impedir, ou então pelo menos evitar, que esses erros aconteçam de novo e eu tenha mais acertos?

Acredito que em nossa vida também, muitas vezes após partidas preliminares temos, antes de jogos decisivos, sentar e decidir o que vamos mudar para poder encarar nosso próximo desafio.

E como escalamos a nossa melhor seleção? As seleções de nossas vidas, creio, são nossas qualidades e nossas características próprias. O que queremos escalar como time titular?

Na linha coragem, inovação e confiança, apoiados no centro por uma boa autoestima, boa saúde e consciência tranquilas, em seguida na zaga valores morais, a família, ética, a prática do bem e no gol o autocontrole? Acho que essa seleção com certeza é a campeã para esse campeonato.  Mas e se minha confiança anda desfalcada, ou então minha boa saúde tomou um cartão e está suspensa por alguns jogos? Ainda sim, é possível um bom jogo.

Uma das principais características de um time vencedor, seja em uma Copa do Mundo, seja em outro campeonato regional é a capacidade de se manter concentrado no objetivo maior, mesmo perdendo algumas partidas. O mesmo pode ser dito de nossos times no dia a dia. A capacidade de mesmo após alguns revezes, continuar jogando e mostrar um futebol bonito, é com certeza um dos principais motivos para que esse esporte seja uma paixão mundial.

A recuperação de um time ou atleta, que dão a volta por cima e voltam a vencer sim, arrancam da torcida os gritos de alegria. Mesmo com um time com jogadores contundidos, ou jogando com um ou até mesmo dois jogadores a menos é possível sim fazer uma boa partida e até mesmo vencer. O foco no objetivo final e o nosso esforço em conduzir nosso time a essa vitória é que extrai a vitória nas diversas situações.

Outro fator interessante a ser comentado: A vitória é apenas vencer a partida? Vendo os jogos de seleções menores no mundial nós vemos que a vitória não depende de ser classificado para a próxima fase, mas sim em dar o próprio melhor, e aprender com as experiências obtidas.

O texto está ficando um pouco longo, já passamos dos acréscimos do primeiro tempo. Antes do fim do mundial continuamos o nosso bate papo sobre esse assunto. Agora fim do primeiro tempo, vamos aos nossos intervalos.

 

Foto ilustrativa: www.archdaily.com.br

Deixe seu comentário: