QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

“Um dos aspectos notáveis da evolução espiritual humana é que todos os doentes da alma se tornam médicos por sua vez.” Bezerra de Menezes

Artigos

Relacionamento do lado de fora é igual ao lado de dentro?

Enviado em 31 de outubro de 2013 | No programa: Ser é Sentir | Escrito por Marli Rodrigues | Publicado por Rádio Boa Nova

Bonecos sentados conversando

Olá, muito obrigada por se interessar em ler este texto que escrevo semanalmente e que tem por objetivo, prolongar um bocadinho mais a prosa do programa.

Sabe que hoje me coloquei no seu lugar e fiquei pensando “… Marli! Existem pessoas que são difíceis, comportam-se de tal maneira que chegam a ser intratáveis e no meio onde elas estão, a opinião é senso comum…”

É verdade, pessoas assim existem mesmo e estão á nossa volta no trabalho, no condomínio, na faculdade, enfim em todos os lugares.

Acontece que o problema jamais são as outras pessoas, e mesmo diante das ditas intratáveis, o que te move é seu relacionamento com você.

Como mencionei no programa, é a qualidade com que você vive e se trata,que define todas as outras relações. “…então tenho que achar todo mundo um anjinho, mesmo os que agem como verdadeiros demônios?…”

Não, o diferencial reside na atitude que uma pessoa tem ao se deparar com os(as) intratáveis.

Compreender, relevar, não se deixar atingir, e tudo isso sem ser indiferente são atitudes de quem se relaciona bem consigo, até porque É MUITO FÁCIL:

  • Ser educado com quem também é
  • Ser gentil com quem também é
  • Ser compreensivo, com quem também é
  • Ser manso com quem também é…

O verdadeiro treino é ser tudo isso e muito mais, com quem é o oposto e é exatamente ai que você pode conhecer a verdadeira qualidade da sua relação consigo mesmo.
 
A sua necessidade de revidar a uma agressão, incompreensão ou o que quer que seja, mostra que o seu interior está exatamente igual ao do agressor, e só seria diferente diante da sua capacidade, não de engolir, mas de sequer deixar entrar a pedrada que ele te enviou.
 
Para se alcançar isso é preciso treino, não em compreender os outros, mas em compreender, estudar, aceitar e amar a si mesmo.
 
Desejo a você um ótimo treino forte abraço e até a próxima semana!
 
Hoje fico em dívida com a dica cultural, mas em breve ela estará de volta.

Deixe seu comentário: