As quatro edições de A Gênese publicadas por Allan Kardec

As quatro edições de A Gênese publicadas por Allan Kardec

Entre 1852 e 1870, a França esteve submetida ao governo autoritário de Napoléon III, no Segundo Império.  

Apesar de que, do ponto de vista histórico, o Segundo Império, a partir de 1860, teve um período denominado “liberal”, que sucedeu ao mais autoritário, a liberdade na França foi muito limitada em ambos os períodos.

Qualquer pessoa que o governo considerasse “perigosa para a segurança pública” podia ser deportada ou encarcerada. As reuniões, a imprensa, as gráficas e as livrarias era severamente controladas.

Durante esse governo autoritário, realizou-se toda a missão espírita de Allan Kardec em sua existência física.

O mestre teve que se submeter não somente às limitações impostas à liberdade dos cidadãos em geral, mas também à vigilância que o governo imperial realizava de suas atividades doutrinárias.

Com todo o escritor de sua época na França, Allan Kardec teve que se submeter às normas que o governo imperial estabelecia para a atividade literária.

O controle da atividade editorial regia-se pelo Decreto Imperial de 5 de Fevereiro de 1810, de Napoléon III.

Durante sessenta anos, as gráficas e as livrarias estiveram submetidas praticamente a essa mesma norma jurídica.

Apesar de que algumas modificações foram acrescentadas em determinados pontos, o severo controle dessa atividade manteve-se até a promulgação do

Decreto n° 24 de 11 de setembro de 1870, do Governo Republicano de Defesa Nacional.

No entanto as gráficas e as livrarias somente puderam gozar de liberdade real a partir da Lei de 29 de Julho de 1881.

Portanto, os documentos dos Arquivos Nacionais da França e da Biblioteca Nacional da França provam,

de maneira categórica, que, até o falecimento de Allan Kardec, o livro La Genèse, les miracles et les prédictions selon le spiritisme

foi impresso sempre com o mesmo conteúdo é o do exemplar depositado legalmente em 4 de janeiro de 1868, que atualmente faz parte do acervo da Biblioteca Nacional da França.

Constata-se, portanto, que, durante sua existência física, Allan Kardec depositou legalmente e imprimiu um único conteúdo, reproduzindo em quatro edições,

de La Genèse, les miracles et les prédictions selon le spiritisme.

A proposito, conforme demonstra o registro da declaração de impressão perante o Ministério do Interior da França.

Allan Kardec, no mês anterior a seu falecimento, mandou imprimir mais de 200 exemplares desse mesmo conteúdo.

Então, a quarta edição de La Genèse, les miracles et les prédictions selon le spiritisme é a última que Allan Kardec publicou durante sua existência física.

Portanto, edição definitiva de Gênesis, milagres e predições de acordo com o espiritismo de Allan Kardec é a quarta.

Para saber mais sobre o assunto, assista:

Lançamento do livro original de A GÊNESE – Livre pensamento

https://youtu.be/E4EdisrXpfg

 

leave a reply

WhatsApp chat