Como assumir nossos erros?

Humberto Pazian

Na coluna Para Viver Bem você vai saber o por quê não assumimos nossos erros. Isto é um processo inconsciente? Como assumir nossos erros? Na parte espiritual justificamos nossas falhas? Confira o que Humberto Pazian diz sobre esse assunto!

Leitura complementar

Culpa, remorso e humildade para reconhecer o erro

Somos seres em evolução num planeta de provas e expiações. Erramos e devemos aprender a reconhecer as falhas, assim como a melhor maneira de repará-las.

Os erros muitas vezes podem gerar a culpa e o remorso. A princípio esses sentimentos são bons, pois sinalizam o reconhecimento do erro cometido através da inquietação da consciência. Há sempre a responsabilidades sobre os atos cometidos, sendo eles boas ações ou falhas com nosso próximo ou com nós mesmos.

O prolongamento da culpa ou remorso sem qualquer esforço para corrigir o erro torna-se desperdício de tempo e força, uma mera reclamação. Deve-se tomar atitudes para corrigi-los de forma humilde, reconhecer o erro é algo nobre e deve partir da pureza do coração.

Estar preparado para as críticas e reações é fundamental, o erro foi cometido e infelizmente as pessoas podem não compreender. Cabe a cada um perdoar, primeiro a si próprio pelo erro cometido, e depois perdoar aqueles que podem ter ofendido como reação ao erro.

Jesus nos deixou a mensagem que devemos perdoar incansavelmente, o quanto for necessário. Erros são cometidos e continuarão a existir enquanto não alcançarmos a perfeição. Assim, para isso é necessário humildade de reconhecer os erros e a coragem e honra de repará-los. Nunca será tarde para pedir desculpas e consertar as falhas.

Texto publicado em 27 de novembro de 2017. 

deixe um comentário

WhatsApp chat