Energias Negativas: como me proteger? 

Energias Negativas: como me proteger? Nem todos os dias nossa energia está radiante, é comum alguns dias acordamos com o que chamados de energias negativas, aquela vibração mais reservada, seca e muitas vezes bem pesada e tensa.

Mas quando falamos de energias é importante ressaltarmos que estamos pontuando questões de aspecto moral, estamos falando de pensamento, palavras e ações que reverberam vibrações e se perpetuam em energias positivas ou negativas. 

Ser uma pessoa positiva é praticar o exercício diário, com ou sem êxito nesta tarefa, dos ensinamentos crísticos como a paciência, o perdão, o silêncio perante as ofensas, desejar o bem daqueles que te querem o mal. É trabalhar em si pensamentos no dia a dia que alimentem a esperança e que fortaleçam sua fé, é se mostrar perseverante e não cair nos momentos de desafio, é continuar caminhando. 

Certa vez ouvi uma mensagem que fora atribuída a Chico em conversas dentro de sua casa espírita em Uberaba. Uma senhora lhe perguntava sobre as energias negativas e o mal que pudera lhe atingir. Chico a respondeu lhe mostrando uma metáfora. Se jogarmos uma pedra em uma parede com um buraco no meio a pedra passa pelo muro, mas se não houver buraco no muro a pedra vai bater e cair no chão, pode voltar também para aquele que a jogou. 

Como me proteger das energias negativas?

Portanto, cada vez que perpetuamos pensamentos, palavras e ações negativas, que não concorram para o bem, criamos e aumentamos o buraco em nossa parede. Ser positivo é preservar o muro para que ninguém possa nos influenciar, seja encarnado ou desencarnado. 

Seja positivo em cada palavra. Perpetue o amor, seja gentil, solícito, paciente, compreensivo, misericordioso. Livre-se das mágoas, dos maus hábitos e de todas as energias negativas que te cercam. Seja um pontinho de luz, assim mais pontinhos de luz vão chegar até você. Seja luz! 

 

Escrito por: Ricardo Guelfi de Souza

Estudante de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Assistente de Mídias Sociais na TV Mundo Maior.

 

 

Faça uma doação pelo site: feal.colabore.org

leave a reply

WhatsApp chat