QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

-->

“Estude a si mesmo, observando que o autoconhecimento traz humildade e sem humildade é impossível ser feliz.” André Luiz

Evangelho e Reforma Íntima

Quais são as características do verdadeiro homem de bem?- Evangelho Segundo o Espiritismo

Enviado em 7 de março de 2019 | Publicado por Rádio Boa Nova

homem de bemQuais são as características do verdadeiro homem de bem?

O capítulo 17, de O Evangelho Segundo o Espiritismo, intitulado “Sedes Perfeitos” fala sobre a perfeição e o homem de bem. Confira:

“A essência da perfeição é a caridade em sua mais larga acepção. Porque ela implica a prática de todas as outras virtudes”.

Primeiramente, a palavra “perfeição” significa: pureza, exatidão, correção, bondade. Portanto, podemos dizer que ao relacionar perfeição com amor, Jesus, queria relacioná-la também com benevolência.

Verdadeiro homem de bem

Já no que diz respeito às características do verdadeiro homem de bem, Allan Kardec, nos apresenta a seguinte passagem:

“O verdadeiro homem de bem é aquele que pratica a lei de justiça, de amor e de caridade em sua maior pureza. Se interroga a consciência sobre os seus próprios atos, pergunta a si mesmo se não violou essa lei; se não fez o mal e se fez  todo o bem que podia; se negligenciou voluntariamente uma ocasião de ser útil; se ninguém tem o que reclamar dele; enfim, se fez a outrem tudo o que quereria que se fizesse para com ele”.

Ou seja, o verdadeiro homem de bem é aquele que:

  • Tem fé em Deus e no futuro, por isso, é desprendido dos bens materiais e dá mais importância aos bens espirituais;
  • busca a verdade, o conhecimento e a sabedoria, já que como foi criado simples e ignorante, necessita suprir as suas carências;
  • Aceita os sofrimentos da vida sem reclamar, pois, entende que as dores, as provas e as expiações são necessárias para a sua evolução;
  • É manso, traz sem seu coração a doçura, a tranquilidade, portanto, não se alimenta do ódio, do ressentimento;
  • Tem prazer em fazer o bem e consolar aqueles que sofrem, e ainda, pensa tanto em si como nos outros;
  • não discrimina ninguém por raça, crença, etc, porque considera todos os homens como irmãos.

Para finalizar, sabemos que não é fácil chegar neste nível de evolução. Já que carregamos várias imperfeições, presenciamos situações em que somos individualistas, julgadores e, ainda, queremos que todas as nossas necessidades sejam atendidas. Porém, aos poucos, um dia de cada vez, respeitando as leis divinas e as leis dos homens, vamos caminhando até o espírito perfeito.

Por isso, devemos passar a pensar mais no próximo, não criticar, perdoar, ser caridoso, amoroso.

Saiba mais sobre o Verdadeiro Homem de Bem no programa Nova Mente:

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Parte 4

 

Fontes: O Clarim | TV Mundo Maior

Deixe seu comentário:

WhatsApp