QUER RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS EXCLUSIVAS?

-->

“Estude a si mesmo, observando que o autoconhecimento traz humildade e sem humildade é impossível ser feliz.” André Luiz

Evangelho e Reforma Íntima

As três revelações – Evangelho Segundo o Espiritismo

Enviado em 16 de maio de 2019 | Publicado por Rádio Boa Nova

as três revelaçõesQuais são as três revelações citadas na obra O Evangelho Segundo o Espiritismo?

O livro O Evangelho Segundo o Espiritismo foi lançado em 1864, por Allan Kardec. Nele, é possível encontrarmos explicações a respeito de diversos preceitos morais deixados por Cristo.

E no primeiro capítulo intitulado “Não vim destruir a lei”, encontramos as três revelações: Moisés, Cristo, Espiritismo. Confira a seguir considerações a respeito dessas revelações.

As três revelações – Evangelho Segundo o Espiritismo

As três revelações são contemporâneas ao adiantamento dos espíritos encarnados da época em que vieram. E ainda, foi ensinado a sociedade das épocas, somente o que era possível compreender.

A primeira revelação foi Moisés, que mostrou aos hebreus os Dez Mandamentos. Moisés libertou o povo da escravidão (os hebreus sofreram nas mãos dos Egípcios), concedendo assim, leis as quais puderam controlar a primitividade que existia nestes povos.

“Na lei moisaica, há duas partes distintas: a Lei de Deus, promulgada no monte Sinai, e a lei civil ou disciplinar, decretada por Moisés. Uma é invariável; a outra, apropriada aos costumes e ao caráter do povo, se modifica com o tempo”.

Essas leis criadas por Moisés fundamentaram as leis básicas para iniciar a caminhada moral. Por exemplo: Honrar vosso pai e a vossa mãe.

A segunda revelação foi Cristo

Aproximadamente mil e quinhentos anos mais tarde, Cristo seria a segunda revelação Divina. Com isso, elas foram além dos controles impulsivos e primitivos, já que falava algo a mais.

“Jesus não veio destruir a lei, isto é, a Lei de Deus; veio cumpri-la, isto é, desenvolvê-la, dar-lhe o verdadeiro sentido e adaptá-la ao grau de adiantamento dos homens”.

Portanto, Jesus, veio para auxiliar tanto no desenvolvimento moral como intelectual. E ainda, trouxe à Terra a Lei do Amor, que expressa a caridade. Com isso, a partir de agora, não se fala apenas de si, mas sim, do próximo e para o próximo. Por exemplo, do perdão, da misericórdia, da caridade, entre outros.

Entretanto, ainda não era possível transmitir os ensinamentos de uma maneira em que a sociedade da época pudesse assimilar.

3ª revelação: Espiritismo

O espiritismo é a nova ciência que veio revelar aos homens, através de provas irrecusáveis, a existência e a natureza do mundo espiritual.

Esta terceira revelação foi narrada por meio de histórias. E a partir desses elementos, poderia-se absolver, mesmo que inconsciente, uma etapa moral.

Então, estava formulado o antigo testamento, que teve em Moisés a sua personificação, e o Novo Testamento, com Cristo.  Entretanto, o caminho seria longo. Durante muitos séculos, as sociedades ficaram “presas” culturalmente, o que não lhe permitiu a expansão das ideias.

O renascimento e o iluminismo romperam com as limitações da época, abrindo assim, o caminho para a terceira revelação (Espiritismo).

O espiritismo não viria personificado em um indivíduo, e muito menos, destruir as Leis de Moisés ou de Jesus, mas sim, firmá-las aos encarnados e desencarnados a fim de contribuir em suas evolução, além de, contribuir em suas evoluções e viabilizar suas transições ao nosso estágio do Planeta Terra, ou seja, a Regeneração.

O Espiritismo é a chave com o auxílio da qual tudo se explica de modo fácil.

(O Evangelho Segundo o Espiritismo)

Saiba mais sobre o assunto:

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Parte 4

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3

Deixe seu comentário:

WhatsApp